Sistemas de Gestão | Conheça os principais problemas

Conheça alguns dos maiores problemas que tiram o sono de empreendedores quando o assunto são os sistemas de gestão.

Ao realizar a abertura de um novo negócio, os primeiros passos dos empreendedores são determinantes para a saúde e sobrevivência da empresa. Conforme dados divulgados pelo Sebrae, aproximadamente 25% das empresas fecham suas portas na fase inicial, que dura até cerca de dois anos de existência.

Especialistas no desenvolvimento de softwares apontam alguns dos maiores problemas que tiram o sono dos empreendedores em relação aos sistemas de gestão, e que inclusive poderão afetar um dos pontos mais críticos da vida dos negócios.

Estas são reclamações muito recorrentes, que partem de empreendedores de startups ou de pequenas empresas e surpreendem seja por ter base em mitos ou por se resumirem a situações que são equacionáveis. Portanto, atenção à fase inicial e aos sistemas de gestão!

Investir em bons sistemas de gestão é fundamental.

Contar com um bom sistemas de gestão é fundamental para que se atinja o crescimento de uma empresa. Por este motivo, vejamos alguns problemas que são de comum ocorrência entre os empreendedores, mas que um bom software poderá ajudar a resolver.

Softwares de sistemas de gestão são difíceis de utilizar.

Muitas vezes, os novos empreendedores tendem a considerar que quando o negócio ainda está em sua fase inicial e não possui um grande volume, qualquer tipo de aplicativo ou de gestão deverá servir, especialmente, aqueles sistemas de gestão que são gratuitos ou que são genéricos de baixos custos.

Como consequência disso, acabam fazendo uso de programas com falhas, sem uma sinergia possível com as especificidades de seus negócios e sem integração com outros sistemas de empresas. Muitos deles são praticamente impossíveis de serem operacionalizados e geralmente não existe um suporte técnico adequado para eles.

Como resultado, acabam abandonados e os gestores tentam gerenciar fazendo uso de planilhas e instrumentos antiquados ou inadequados às finalidades da empresa.

O controle de empresas com uma base em planilhas até é possível de ser realizado, contudo, a perda de tempo e os erros acontecem de forma inevitável. Se houver mais de uma pessoa responsável por esta função na empresa, certamente existirá mais de uma planilha. Isso poderá ocasionar a duplicação dos dados e a sua atualização poderá se transformar em uma experiência frustrante e, acima de tudo, perigosa.

Gostou? Compartilhe e deixe seu comentário! Seu feedback é muito importante!
Fique atento para novas publicações diárias!

Assine nossa Newsletter!
Insira seu e-mail e ganhe, agora mesmo, um software exclusivo para gerir seu negócio. 100% GRÁTIS!

Deixe seu comentário

três × cinco =